A área de serviço externa é um dos cômodos mais importantes para manter a organização do lar sem perder a funcionalidade necessária para o dia a dia. Logo, é fundamental saber montar esse espaço com móveis, equipamentos e utensílios úteis para a sua rotina e conferir alguns toques de decoração para deixar o ambiente agradável.

Foi pensando em te ajudar com este assunto que a equipe da TempoTem preparou um guia com as melhores dicas e inspirações para você aprender a montar uma área de serviço externa de forma prática e econômica.

Uma coisa é fato: apesar de não estar entre as prioridades no projeto de decoração residencial, ter uma área de serviço externa bem estruturada ajuda não apenas na disposição dos eletrodomésticos de grande porte — como a máquina de lavar e a secadora —, mas também evita que peças de roupas e produtos de limpeza fiquem espalhados entre um cômodo e outro. 

Então, se você ainda não sabe o que precisa para fazer a sua área de serviço externa, continue a leitura e descubra tudo. Vamos lá?

Como montar uma área de serviço externa?

Tem dúvidas de como montar uma área de serviço externa? Dê uma olhada nas dicas abaixo:

A área de serviço externa deve conter tanto os eletrodomésticos, como já citamos, quanto um espaço destinado a guardar vassouras, panos de chão, tapetes e outros utensílios domésticos que não são usados todos os dias — ou que precisam de local próprio para serem armazenados sem poluir a estética dos ambientes. 

No entanto, essa é só uma das etapas na estruturação do cômodo. Para que a área de serviço seja um espaço funcional e seguro é essencial escolher os revestimentos e acabamentos, uma vez que o local estará em contato frequente com água, umidade, eletricidade e substâncias químicas que podem ser inflamáveis.

Por esse motivo, o ideal é projetar a área de serviço externa em conjunto com o restante da reforma do apartamento ou da casa para não ter que passar por uma nova obra para modificar a estrutura do espaço. 

Caso o restante da residência já esteja pronto, não deixe de solicitar o suporte de um arquiteto para escolher os melhores acabamentos para esse tipo de cômodo e encontrar a melhor forma de organizar a mobília no espaço disponível.

Qual o piso ideal para área de serviço?

O famoso porcelanato usado em grande parte do piso residencial deve passar longe da área externa da casa. Afinal, embora tenha um acabamento liso bonito e sofisticado, quando molhado esse tipo revestimento fica extremamente escorregadio e pode causar graves acidentes

Assim, opções como ardósia — um outro tipo de pedra muito aplicada em quintais e calçadas — devem ser substituídas por alternativas antiderrapantes.

Dessa forma, no mercado é possível encontrar versões do próprio porcelanato com um acabamento áspero, o que diminui a característica derrapante desse tipo de revestimento. 

Além dele, o piso cimentício é uma opção duradoura, prática de lavar e que não exige manutenção, por isso cai superbem em área de serviço externa e térreas.

Como fechar a área de serviço externa gastando pouco?

Por se tratar de uma área de serviço externa, fechar o espaço para proteger contra o vento e chuva é uma etapa indispensável. Para quem mora em apartamento, por exemplo, uma técnica comum é o envidraçamento, que utiliza vidro para bloquear desde o guarda-corpo até o teto. 

Contudo, é necessário conferir as regras do condomínio para saber a cor e o modelo de estrutura permitida para isolar a região visível da parte externa, ok?

Já em casas, os moradores têm mais liberdade para escolher a melhor forma de fechar a sua área de serviço externa. 

Em alguns locais somente uma cobertura de policarbonato pode ser suficiente para proteger o ambiente. Já para quem prefere demarcar completamente o espaço, o ideal é fechar com cobertura e porta de vidro, que é a mesma técnica empregada em apartamentos.

O que não pode faltar na área de serviço externa?

Anote já o checklist do que não pode faltar na sua própria área de serviço externa.

E claro, a mobília é o que atribui a funcionalidade para a área de serviço externa, diferenciado-a de um cômodo destinado ao lazer, como uma varanda gourmet, por exemplo. 

Ou seja, isso significa que é interessante ter uma lista básica com os itens que não podem faltar na sua área de serviço externa e outros não obrigatórios, mas que podem tornar a sua rotina mais fácil.

Para você não se perder no meio da variedade de móveis e aparelhos destinados para tal ambiente, abaixo listamos aqueles que são indispensáveis tanto para a lavanderia quanto para o quarto de serviço. 

Dê uma olhada e coloque na sua lista tudo o que você não pode esquecer:

Máquina de lavar e secadora

A máquina de lavar roupas é o eletrodoméstico “salvador da pátria” para quem vive na correria da vida moderna e não tem tempo para perder diante do tanque. 

Para ficar ainda melhor, os modelos mais tecnológicos já vêm com a função de secadora, assim você dispensa de vez os prendedores e o varal e deixa de depender da ação do tempo para ter suas peças secas.

Porém, caso opte por adquirir somente a máquina de lavar, lembre-se que sua área de serviço externa precisa de um espaço livre para estender as roupas, toalhas e lençóis

Os varais podem ser fixos na parede, no teto ou portáteis, onde este último é uma boa alternativa para as lavanderias que recebem sol em diferentes pontos ao longo do dia ou de acordo com a estação.

Ferro e tábua de passar roupas

Para reduzir o acúmulo de roupas espalhadas em diferentes lugares da casa, as peças para passar devem ser armazenadas na própria área de serviço até que estejam prontas para voltar ao guarda-roupas. 

Dessa forma, o ferro e a tábua também devem permanecer no mesmo cômodo, de preferência guardados em um armário com porta.

Aqui a dica especial é instalar uma tábua de passar retrátil embutida no próprio armário, a fim de economizar espaço na lavanderia e dispor do móvel somente quando precisar usá-lo — minimizando ainda mais a quantidade de coisas expostas pelo local.

Bancada e armários de parede

Os armários são fundamentais no quarto de serviço e, se esse mesmo ambiente for compartilhado com a lavanderia, a necessidade dobra. 

Isso porque além dos itens de limpeza da casa, os armários também devem comportar os produtos para lavagem da roupa, bem como prendedores, varais e ferro de passar.

Armários de parede ajudam a aproveitar melhor o espaço, no entanto, ter ao menos uma ou duas bancadas facilita na organização das peças antes e após lavar. 

Já para as vassouras, rodos e objetos maiores, o recomendado é planejar um compartimento no armário com as medidas exatas desses utensílios.

Nichos e caixas organizadoras

Os nichos e as caixas organizadoras são o complemento para manter a organização dentro e fora dos armários. 

Produtos de limpeza e outros objetos ficam mais fáceis de encontrar e guardar quando são separados por caixas. A ideia também serve para ordenar utensílios em cima da bancada.

Para incrementar a decoração e ter ainda mais espaço para arrumar os potes e caixas, os nichos podem ser instalados acima da máquina de lavar e ao lado dos armários. Para os nichos feitos em madeira vale frisar que é necessário aplicar uma camada de impermeabilizante para proteger o móvel contra a umidade, ok?

4 ideias de como decorar a área de serviço externa

Não sabe como decorar a área de serviço externa? Veja 4 dicas para diferentes espaços agora:

Mesmo sendo um espaço com foco na funcionalidade doméstica, é possível definir um estilo para a área de serviço externa e decorá-la de acordo com o restante do design da casa, imprimindo a personalidade e os gostos dos moradores. 

Para te inspirar na escolha do décor, selecionamos 4 ideias que combinam em diferentes espaços e tipos de residências. Veja:

1. Área de serviço externa clean

Para os adeptos do estilo minimalista, estruturar uma área de serviço externa clean, com cores neutras e mobílias simples, se adequa perfeitamente à decoração. 

Sendo assim, poucos acessórios decorativos devem preencher o espaço, exceto plantas e quadros simples para proporcionar uma atmosfera acolhedora ao aposento.

2. Área de serviço externa moderna

Por outro lado, as residências mais modernas e tecnológicas conseguem ousar na criação da área de serviço externa. 

Além dos eletrodomésticos avançados, o ambiente pode apostar até mesmo em pequenos espaços de lazer com cadeiras, poltronas e artigos de entretenimento para os moradores curtirem o ambiente também nas horas vagas.

3. Área de serviço externa gourmet

Mais uma opção para quem gosta de aproveitar todos os cômodos da casa da melhor forma é criar a área de serviço externa junto com a varanda gourmet

Sendo assim, alguns itens como churrasqueira, pia e utensílios de cozinha precisam ser incrementados na mobília. Além disso, uma mesa ampla para as refeições, cadeiras confortáveis e uma iluminação pendente dão o toque final de comodidade para a varanda.

4. Área de serviço externa verde

Há ainda a possibilidade de utilizar esse ambiente externo para montar um espaço verde na residência, que pode ser um jardim vertical, uma horta ou mesmo um conjunto de plantas dispostas nos nichos e bancadas. 

Ter esse pequeno contato com as plantas dentro do seu próprio lar ajuda a limpar o ar e melhorar a respiração da sua família.

5 dicas de como arrumar a área de serviço pequena

Vale frisar que dá sim para montar uma área de serviço externa em espaços reduzidos e não projetados inicialmente para essa funcionalidade — e deixar o lugar igualmente organizado e harmônico. 

Para mostrar como isso pode ser feito, fizemos uma lista com cinco dicas para quem precisa otimizar todo o espaço disponível. Confira:

1. Defina funções para a área

Se o local é pequeno, delimite as funções que serão exercidas ali — como lavagem de roupas e armazenamento de itens de limpeza, por exemplo — e deixe a parte de lazer para outro aposento. 

Utilize o espaço apenas para as atividades domésticas e evite acumular peças e acessórios de outros cômodos nos armários e caixas da área.

2. Aposte em cômodos integrados

Em apartamentos a área de serviço pode ser integrada à varanda gourmet — como citamos anteriormente — ou à cozinha, especialmente em unidades sem varanda. 

Nessa estrutura de cômodo a tubulação tende a ser uma só e por isso a bancada da pia e o encanamento para a máquina é separado apenas por uma divisória de vidro ou granito. Assim, não é necessário reservar nenhum outro cômodo da casa para montar a área de serviço externa.

3. Aproveite o espaço verticalmente

Fora os armários e nichos, também dá para se beneficiar das paredes para instalar prateleiras, ganchos para vassouras e hastes para pendurar cabides de roupas já lavadas e passadas. 

Para os amantes dos acessórios de decoração, em vez de ocupar o chão com as peças de enfeite, prefira dar lugar a espelhos e quadros que ornamentam qualquer ambiente.

4. Invista em uma mobília multifuncional

Mais do que um investimento em modernidade, adquirir uma máquina de lavar com função de secadora também poupa muito espaço da sua área de serviço externa. 

Afinal, com apenas um eletrodoméstico você consegue se livrar dos varais, prendedores e, principalmente, da própria máquina exclusivamente secadora.

5. Não deixe espaço para bagunça

Nada de deixar uma gaveta destinada apenas a bagunças e objetos sem uma utilidade clara ou frequente na casa. 

Tudo o que for desnecessário precisa ser devidamente descartado, enquanto itens que possam ter alguma serventia devem ter seu próprio espaço de armazenamento — e se não for um item necessário na área de serviço externa, não é lá que ele deve ficar, pois o cômodo não assume papel de depósito, combinado?

Bom, neste guia deu para pegar bastantes ideias e truques de como montar uma área de serviço externa ideal para o seu lar, não é mesmo? 

Então, anote as dicas e não deixe de colocá-las em prática na hora de estruturar o quarto de serviço e a lavanderia da sua residência e garantir um cômodo externo muito mais funcional sem perder o estilo.

Conte com a TempoTem para realizar qualquer instalação doméstica e cuidar das emergências de casa que sempre surgem de última de hora.

Quer saber mais dicas pra sua casa? Visite nosso blog!

Autor

Bianca Maria Dos Santos

Analista de produtos. Especialista em desenvolvimento de produtos e novas soluções na prestação de serviços. Curiosa do mundo dos e-commerces, marketplaces e marketing digital. Apaixonada por inovação, negócios, música e gastronomia.

Deixe seu comentário